Noticias
É hora de ler toda a informação relevante sobre o imobiliário em Portugal.
Noticias
Voltar \ Imobiliário - Portugal

Imobiliário - Portugal

16 set 2021
Imobiliário - Portugal
Espanhóis, ingleses e norte-americanos são os que mais procuram casas de luxo em Portugal

Multimilionários estão atentos e interessados no mercado imobiliário português, mais especificamente, nas casas de luxo e existem alguns países com especial interesse nas propriedades de luxo do nosso país: os espanhóis (11,7%) são os que mais pesquisas de imóveis deste tipo realizam, seguidos pelos ingleses (11,6%), norte-americanos (9,7%), franceses (9,5%) e alemães (8,9%).

Os dados são revelados num estudo realizado pelo idealista, que analisa a procedência internacional das pesquisas de imóveis à venda em Portugal por mais de 1 milhão de euros.

Este interesse internacional por imóveis de luxo em Portugal concentra-se na sua maioria em seis distritos, que acumulam 88,8% das visitas para procura de casas de luxo à venda no país.

Os dados, segmentados por distritos, revelam que Lisboa é a zona preferida dos investidores estrangeiros, visto que 40% das pesquisas internacionais de propriedades de gama alta se concentra neste distrito. Os principais interessados neste produto de luxo são os espanhóis (13,0%), norte-americanos (11,1%), ingleses (10,8%), brasileiros (10,4%) e franceses (7,1%).

No ranking dos seis distritos com mais interesse para os compradores de alto standing surge depois o distrito de Faro, com 28% das pesquisas de luxo realizadas por estrangeiros. As nacionalidades que mais procuram casas de luxo no Algarve são a inglesa (12,9%), holandesa (11,5%), francesa (10,5%), alemã e espanhola (10,0% em ambos os casos).

A terceira posição do ranking vai para Setúbal com 8% das pesquisas. Os países que revelaram mais interesse neste distrito foram a Alemanha (15,1%), Espanha (14,1%), Reino Unido (11,7%), França (10,5%) e Estados Unidos (7,6%).

O distrito do Porto ocupa a quarta posição com 6% das pesquisas de luxo realizadas por estrangeiros. Os espanhóis foram os que mais interesse mostraram com 13,6% das visitas. Seguem-se os brasileiros (12,5%), franceses (11,9%), norte-americanos (11,2%) e ingleses (7,5%).

O quinto lugar vai para a Ilha da Madeira, concentrando 4% das pesquisas de luxo que se realizam em Portugal por parte dos estrangeiros. Os ingleses (21,1%) e os alemães (20,9%) são os mais ativos na procura, seguidos pelos norte-americanos (5,4%), suíços (4,6%) e os franceses com 4,3% das pesquisas.

Por último, no sexto lugar do ranking, surge o distrito de Braga com 2% das pesquisas. A nacionalidade que mais revelou interesse por este distrito foi a francesa (25,7%), seguida pelos brasileiros (12,0%), suíços (10,5%), espanhóis (10,0%) e ingleses (8,3%).



Veja Também